Dores de ouvido: como evitar

piscina-otiteDurante o verão, com a maior frequência dos banhos de mar ou piscina, é importante proteger o ouvido da água para evitar otites (dores de ouvido). Essas infecções, que podem ser provocadas por vírus ou bactérias, causam dor de ouvido e muitos incômodos. A situação pode se tornar crônica e resultar em frequentes recorrências de infecções agudas e finalmente em dificuldade auditiva.

Por isso, utilize protetores auriculares. Se não for possível, há alguns cuidados a serem tomados:

– Após nadar, seque os ouvidos com a ponta de uma toalha. Se sentir a presença de água dentro do conduto, deite a cabeça para o lado e encoste a orelha em uma toalha para que o líquido saia.

– Evite o uso de hastes flexíveis dentro do ouvido: elas servem apenas para limpar a parte externa, e não devem ser introduzidas no canal auditivo.

Se a água não sair e ao menor sinal de secreção no ouvido, que pode ser escura ou amarelada, procure ajuda de um otorrinolaringologista.

Seu aparelho auditivo agradece!
Zumbido pode diminuir com vida saudável
The following two tabs change content below.

Juliana Tavares

Juliana Tavares é jornalista, empreendedora, editora de conteúdo e diretora de atendimento da j2 Comunicação. É, ainda, colaboradora da Eaxdesign, em portais de negócios, comportamento, inclusão social e turismo.

Últimos artigos por Juliana Tavares (Ver todos)

 

2 comentários

  1. Virtual Private Server disse:

    MASTOIDECTOMIA A mastoidectomia й uma cirurgia que й realizada quando existe uma infecзгo no osso chamado “osso temporal” onde estб contido as estruturas do ouvido. A mбstoide й parte do ouvido e й um osso poroso como se fosse um “queijo suнзo” e quando a otite mйdia crфnica se espalha por esse osso й necessбrio retirб-lo.

Deixar um comentário

 
 



 

Sobre nós


O portal Deficiência Auditiva foi idealizado por uma equipe de profissionais preocupada em alertar a população sobre aspectos relacionados à deficiência auditiva.

Nossas Rede Sociais